Curitibanos,

Fiesc discute investimentos em Curitibanos

21 Abril 2017 11:01:00

A Federação realiza análises setoriais todos os anos

Rubiane Lima
Foto: Rubiane Lima
OPORTUNIDADE. Fórum ressaltou particularidades de investimento na região

A Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), Sindicato da Indústria Florestal de Curitibanos (Sifc) e Associação Empresarial de Curitibanos (Acic) realizaram, na última terça-feira (18), na sede do Serviço Social do Comércio (Sesc), encontro para discutir perspectivas econômicas e desenvolvimento para o setor madeireiro da região. Segundo o vice-presidente da Fiesc para a região Centro-Norte do Estado Gilberto Seleme, a Federação realiza análises setoriais todos os anos, primando pelo desenvolvimento local, de acordo com suas especificidades. "Trazer o Observatório para Curitibanos é uma forma de alertar o empreendedor sobre o caminho de possibilidades de investimento e vendas existentes, através da construção de um planejamento estratégico", disse. Para tanto, a Fiesc disponibiliza atendimento setorizado de assessoria para balizar planejamentos e agregar valor ao que é produzido nas indústrias dos municípios. 

Durante o encontro, foram realizadas palestras sobre o cenário econômico no Brasil, Santa Catarina e região curitibanense e oportunidades no mercado externo, com especialistas do Observatório da Indústria Fernando Richartz, Daniele Neuberger e Juliano Anderson Pacheco, sobre tendências tecnológicas. Fernando ressaltou que, muitas vezes, os empresários têm em mãos dados importantes de investimentos e de trabalho, mas não sabem como utilizá-los para melhoria de seus negócios. "O Observatório presta esse tipo de auxílio, mostrando caminhos, oportunidades e discutindo soluções para melhoramento de produtos e melhor aproveitamento financeiro", destacou.

Além disso, os palestrantes esclareceram aos empresários que dados financeiros são atualizados em tempo real pelo Observatório, podendo identificar qual ramo deve receber investimento e onde há demanda para o produto oferecido. Daniele enfatizou que, em Curitibanos e região, o foco tem sido madeireiro, desde o produto bruto até móveis e demais benfeitorias. "Precisamos preparar esse mercado para disputar espaço na importação, com incremento de tecnologias e mão de obra qualificada", concluiu.



OculoseCia.gif
ConexaoMaster.gif


Enquete

Você costuma preocupar-se com a economia doméstica?


 

INFORMAÇÕES E CONTATO

Rua Daniel Moraes, 50, Bairro Nossa Senhora Aparecida - 89520-000 - Curitibanos/SC (49) 3245.1711

Copyright © 2015 A SEMANA EDITORA LTDA. Todos os direitos reservados.