COLUNA

Ibravin e Sebrae firmam convênio de R$ 5 milhões

31 Julho 2018 16:59:57

Douglas Wurz

O Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) renovam na próxima sexta-feira (27) o convênio para o projeto Valorização dos Vinhos Brasileiros. As entidades destinarão R$ 5 milhões para investimentos em iniciativas que terão como foco a qualificação da cadeia, a valorização da produção e o fortalecimento comercial do vinho brasileiro no mercado interno. Até março de 2020, o projeto beneficiará vinícolas de pequeno e médio porte, agentes comerciais, viticultores, produtores informais e estabelecimentos e profissionais de alimentação fora do lar em sete estados brasileiros e no Distrito Federal, somando cerca de seis mil pessoas impactadas diretamente. Além disso, as ações contemplarão também eventos de promoção para consumidores finais. Este é o terceiro convênio firmado entre o Ibravin e o Sebrae Nacional. A contrapartida do Instituto é proveniente de recursos do Fundo de Desenvolvimento da Vitivinicultura (Fundovitis). 

Umas das novidades do plano de trabalho entre o Ibravin e o Sebrae é o incentivo a regularização de agricultores familiares como produtores de vinho colonial ou artesanal, enquadrados na Lei do Vinho Colonial, e o estímulo ao aumento da formalização de vitivinicultores de uva através da adesão ao Simples Nacional, que começou a vigorar para o setor neste ano. A expectativa é que mil produtores conheçam os benefícios do regime por meio de workshops online e presenciais e envios de informações.

Outra demanda inédita será o fortalecimento das Indicações Geográficas (IG) para os vinhos e espumantes nacionais, que atestam a vocação e a qualidade de determinada região para a elaboração de produtos específicos. Serão trabalhadas as seis certificações existentes no Brasil: as Indicações de Procedência Pinto Bandeira, Altos Montes, Vales da Uva Goethe, Monte Belo e Farroupilha e a Denominação de Origem Vale dos Vinhedos. Cem profissionais de seis regiões vinícolas e outros 100 produtores rurais devem ser mobilizados.

Segundo levantamentos do Ibravin e da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Uva e Vinho, estima-se que no Brasil existam 1,1 mil vinícolas, sendo que 90% delas são micro e pequenas empresas, e que cerca de 200 mil pessoas estejam envolvidas com a cadeia da uva e do vinho. Só no Rio Grande do Sul, maior estado produtor do país, são 15 mil famílias ligadas diretamente com o setor. Por ano, a produção vinícola gaúcha movimenta cerca de R$ 2,5 bilhões.


Imagens

1187839344.png

Diário de Riomafra - Todos os direitos reservados
Rua 8 de setembro, 298, Vila Buenos Aires - Mafra
Fone: (47) 3642-6633 - diarioderiomafra@gmail.com

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Diário de RioMafra