Adjori/SC
Apreendidos sete quilos de crack em casa de propriedade dos Pelissari
Patricia Hoffelder
17/4/2013 13:44:47
Ação foi deflagrada ontem (16) e droga encontrada em casa da família que está alugada, no Bairro Quartel. Pai, mãe e filho estão presos preventivamente na UPA
$alttext

Um dia após a prisão da família Pelissari, a Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Videira encontrou aproximadamente sete quilos de crack em residência que é da família, mas está alugada, no Bairro Quartel. Segundo as investigações, a droga seria comercializada ainda esta semana, mas com a prisão dos envolvidos, estima-se que a organização deixou de arrecadar cerca de R$ 70 mil com este lote.
O crack foi encontrado no porão da casa, próximo à residência da família. O pai Euclides Pelissari, 61 anos, a mãe Noeli Sandri Pelissari, de 51, e o filho, Eberson Luis Pelissari, 31, são suspeitos de integrar uma organização criminosa que coordena o tráfico de drogas na região de Videira.
A prisão dos três aconteceu nessa segunda-feira (15), em sua residência, localizada no Bairro Quartel. Com eles, a DIC ainda encontrou 25 celulares, um revólver calibre 38 municiado e R$ 2 mil em dinheiro. Eles estão presos preventivamente na Unidade Prisional Avançada (UPA) de Videira e poderão responder pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico.
Por meio de uma investigação que durou seis meses, foi constatado que Eberson era responsável por uma rede criminosa que distribuía grande quantidade de drogas para municípios da região, como Joaçaba, Caçador, Curitibanos, Lages e até em outros Estados, como Paraná e Rio Grande do Sul.
Estima-se que a organização tinha um lucro mensal de mais de R$ 50 mil. A droga era comprada em Foz do Iguaçu (PR) e trazida para a região por pessoas pagas por Eberson. No esquema, podem estar envolvidas outras 15 pessoas, dentre elas, menores, que levam Eberson a ter que responder também pelo crime de aliciamento de menor.
O chefe da organização já havia sido preso pelo crime de tráfico de drogas, condenado a nove anos de prisão. Desde que Eberson saiu da cadeia, em um tempo aproximado de seis meses, a policia já monitorava suas ações, investigando que ele não seria apenas um traficante, mas sim o comandante do grupo.
Uma das últimas operações que a polícia investigou e que teve Eberson como mandante aconteceu em Caçador no início de março. Na oportunidade, Tais Francisca Moreira, 24 anos; José Luiz Ferreira Guimarães, vulgo “Zé”, 19; Wagner Ribeiro, vulgo “Seco”, 22 e ainda um adolescente de 17, foram presos.
Tais e o menor trouxeram de Foz do Iguaçu 12 quilos de maconha que seriam revendidos na região. A prisão em flagrante aconteceu na rodoviária de Caçador, sendo que a droga e uma arma estavam de posse do adolescente.
 

Ver comentários
Escrever comentários
Endereço
Rua Severino José Pasqual, 1082
Bairro Universitário - Videira SC
CEP: 89560-000
E-mail: videira@folha.com.br
Telefone:(49) 3566-2727
lolhggo
Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina