Balneário Piçarras busca certificação internacional do Bandeira Azul

06 Março 2018 09:02:46

Fase Piloto do programa Bandeira Azul será lançado em Balneário Piçarras dia 07; colocação da placa marca o início de uma série de ações estratégicas para a obtenção da bandeira

Orla Norte.jpg
Foto: Smart Films
O trecho que passará por criteriosos estudos de balneabilidade e preservação ambiental é do Molhe Norte até a altura da Rua 2.550

Será lançado nesta quarta-feira, dia 7, o projeto piloto do programa Bandeira Azul, na praia de Balneário Piçarras. Esta etapa, inicial do programa, é marcada pela instalação da placa indicativa e o período de dois anos para cumprimento dos critérios estabelecidos mundialmente para obter a certificação, que poderá categorizar a orla em um nível mundial de excelência.

O trecho que passará por criteriosos estudos de balneabilidade e preservação ambiental é do Molhe Norte até a altura da Rua 2.550 (final do setor pavimentado da Avenida Beira Mar). Além da qualidade ambiental, para conseguir receber o certificado é preciso, também, cumprir uma série de exigência de infraestrutura, que denotem total comprometimento com a inclusão da sociedade na orla e seu uso sustentável. 

De acordo com a secretária de Planejamento, Deisy Cristine da Silva Martins, já são previstas adequações técnicas na orla, principalmente na questão de acessibilidade. "Os pontos principais são a instalação de banheiros adaptados e a demarcação de vagas de estacionamento específico para idosos e cadeirantes".

Outras exigências da fase piloto fazem referência a sinalização adequada do trecho, ampliação da quantidade de lixeiras padronizadas, garantia de maior segurança na praia, além da criação de um grupo gestor da praia com a maior participação da comunidade e interessados para discutir as ações a serem realizadas.
A cidade precisa atender todos os critérios até julho de 2019. "Já temos planejado o que precisamos fazer, queremos receber a certificação antes do prazo", frisou a secretária de Turismo, Susan Correa. Para a secretária, a Bandeira Azul trará ainda mais destaque ao município. 

"Esta é uma certificação internacional que colocará Balneário Piçarras no mapa mundial de praias seguras, com rigoroso controle de balneabilidade", acredita Susan, informando ainda que a prefeitura contratou a Universidade do Vale do Itajaí, para efetuar amostras adicionais de qualidade de água.
De um universo de 4.385 praias certificadas no mundo, apenas cinco estão no Brasil. "A Bandeira Azul é muito disseminada na Europa, no qual há um reconhecimento daqueles que olham pelo nosso país observando as praias certificadas. A nossa cidade acaba ganhando esta divulgação a nível mundial", finaliza a secretária de Turismo.

 "A nossa praia já é conhecida no estado como uma praia de àguas limpas, a certificação vem reconhecer este atributo, criando ainda mais valor à nossa cidade e todos os produtos e serviços aqui oferecidos", exaltou o prefeito Leonel Martins, acrescentando ainda que o programa movimentará a comunidade. "A Bandeira Azul trará o senso de pertencimento da praia de Balneário Piçarras".

Programa Bandeira Azul
O Programa Bandeira Azul é uma certificação internacional que tem como objetivo elevar o grau de conscientização dos cidadãos para a necessidade de se proteger o ambiente marinho e costeiro e incentivar a realização de ações educativas. O Programa Bandeira Azul é uma iniciativa da FEE (Foundation for Environmental Education) que conta hoje com apoio de diversas instituições internacionais.




14322344777940.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina