Em entrevista, presidente do Beto Carrero World fala sobre o crescimento do parque

02 Janeiro 2019 09:16:42

“Nosso plano de ação de 2016 a 2022 deve propagar o público para algo entre 3 milhões e 4 milhões de pessoas”

Foto_002-2018 (Rogério Siqueira - diretor presidente Beto Carrero World)....jpg
Foto: Divulgação
"Tivemos incremento de canais de ofertas de serviços de viagem que impactaram muito no nosso negócio"

Um dos nomes mais fortes do turismo nacional, o diretor presidente do Beto Carrero World é hoje figura reconhecida entre o trade, seja na execução, no planejamento ou nas articulações que levam sua assinatura. Rogério Siqueira vem de grandes corporações, mas há quatro anos comandando o maior parque temático da América Latina comprova que uma carreira bem sucedida vai além do segmento, quando atua com foco, seriedade e objetivos a serem conquistados. Nesta entrevista em comemoração aos 27 anos de atividades do Beto Carrero World (celebrado em 28 de dezembro) ele destaca o crescimento do empreendimento, o reconhecimento em diferentes frentes e até pincela uma novidade para o próximo ano.

 

Ao longo dos anos o Beto Carrero World vem batendo recordes de público. Ao que o senhor credita o sucesso deste crescimento?

Rogério Siqueira - Nós começamos a explorar o mercado nacional e latino-americano como potencial incremento de venda e, com isso, a gente começou a desenvolver nos últimos quatro anos a expansão da marca para outros Estados, outras regiões, outros países. O trabalho em torno desse processo foi programar o resultado. Passamos a programar as vendas e buscar potenciais locais ainda disponíveis. Antes atuávamos mais passivamente do que ativamente. Precisávamos quebrar a baixa sazonalidade de Santa Catarina, período em que para nós seria favorável já que havia hospedagem, transporte e afins por um custo até mais baixo. Isso fez impactar enormemente nossa atuação junto à classe C. Hoje já não temos mais sazonalidade, o que temos é o período de férias escolares e o restante do ano. Evidentemente que ainda precisamos de um volume maior no Verão, mas julho deste ano foi um dos melhores meses, inclusive superando alguns meses de calor e setembro foi o melhor setembro de todos os tempos, ultrapassando inclusive meses de fevereiro, por exemplo. Mas isso tudo é uma atuação proativa com estudo e inteligência mercadológica.

 

No ano passado o empreendimento cresceu 24% e tinha como meta triplicar o número de público em sete anos. Neste primeiro ano do plano de ação, as metas apontam para o resultado esperado?

Rogério Siqueira - Esse plano de ação prevê um crescimento importante no período do plano de ação que vai de 2016 a 2022 que deve propagar nosso público para algo entre 3 milhões e 4 milhões de pessoas. Para isso, focamos ações de divulgação e busca comercial em áreas onde não havia registro de crise no país, como nas regiões de agronegócio. Tivemos incremento de canais de ofertas de serviços de viagem que impactaram muito no nosso negócio. Junto a isso, fizemos ação de vendas coordenadas junto às operadoras e companhias aéreas que garantiram ao Beto Carrero World um crescimento na casa de dois dígitos. Os números ainda estão sendo fechados.  E as métricas já nos mostram que haverá mais crescimento até 2022.

 

O brasileiro percebeu que ele poderia ter também uma boa experiência no Brasil, aproveitando o Beto Carrero World e toda sua possibilidade de encantamento de um parque temático. Ao que o senhor considera que se deve esta tendência?

Rogério Siqueira - A partir do momento que estabelecemos as alianças estratégicas com os nossos aliados internacionais que são a DreamWorks e a Hot Wheels, nós ocupamos um espaço em relação às oportunidades e ofertas de passeios a parques temáticos. Nós somos uma opção de altíssimo nível comparado aos parques temáticos dos Estados Unidos. Já durante estes últimos quatro anos estamos sendo reconhecidos, não apenas na América Latina, mas em todo o mundo. Estamos entre os 10 maiores parques do planeta e, evidentemente com as dificuldades que enfrentamos relacionadas à questão política e econômica, estamos bem. Ainda não é um ambiente econômico adequado e ainda assim temos conseguido o padrão de entrega de qualidade e encantamento que nos coloca no patamar de comparação por igual em relação aos outros parques internacionais.

 

Diversas premiações coroaram o Beto Carrero World em 2018 e vindas de diferentes frentes: do trade, do mercado, do empresariado e do próprio público. Qual o segredo para se manter positivamente em evidência?

Rogério Siqueira - O Beto Carrero tinha como referência a questão do trabalho, ou sorte que é sinônimo de acordar cedo, trabalhar duro, dormir tarde... De domingo a domingo. O detalhe é que a gente trabalha com amor. Por mais que falemos do desenvolvimento dos processos de gestão corporativa, aqui ou você ama o que faz ou você não consegue entregar o que tem que ser entregue. Um componente que foi deixado pelo Beto é isso. O nosso propósito não é estar em evidência, é encantar o tempo todo. E isso reflete na admiração das pessoas ao nosso negócio. Temos uma responsabilidade muito grande, para manter a plenitude do amor, da dignidade, da alegria e da humildade. É difícil ter processos sinérgicos, mas aqui temos muita sinergia, principalmente dos diferentes cargos. Todo mundo sabe o que queremos entregar e isso faz com que tenhamos uma admiração especial mútua que nos torna muito agradecidos e felizes. Nós temos a melhor equipe de turismo do mundo, o que importa realmente é o Beto Carrero World.  Ser admirado em todas as frentes é sinal de que estamos fazendo a entrega correta para cada um dos stakeholders. Este é um momento muito bonito de toda uma equipe.

 

Ao celebrar 27 anos de atividades, o público quer saber: o que teremos de novidades para 2019?

Rogério Siqueira - Temos vários projetos em desenvolvimento, mas costumamos só revelar quando já está em execução, prestes a ser entregue. Mas podemos falar de uma nova área temática que integrará todo o contexto de preservação ambiental que é um dos valores que a empresa tem. A gente pretende fazer no próximo a entrega desta novidade.

 

Uma discussão muito em voga está relacionada à questão do uso da tecnologia no turismo. Como isso interfere no planejamento do Beto Carrero World e o que está sendo feito para seguir esta tendência mundial?

Rogério Siqueira - Pra não ficar fora do desenvolvimento do mercado, o Beto Carrero World lançou um novo site com uma forma nova de comunicar com o público, muito mais leve, divertida, agradável, com mais informação sobre o que é a nossa estrutura. Junto temos uma agência de viagem interna que vai disponibilizar no nosso novo site pacotes de viagens diferenciadas. Utilizaremos as nossas redes sociais mais atualizadas, com conteúdo mais relevante. Estivemos participando da CCXP e estamos de olho também em novos mercados como o de games. Em 2019 teremos uma nova linguagem, com uma nova maneira de levar sonho e muita fantasia ao público.

Imagens


Enquete

Qual é a sua opinião sobre a contratação de parentes em cargos do alto escalão e cargos de confiança em uma Prefeitura?

Sou contra
Sou favorável
Sou favorável, desde que a pessoa possua qualificação técnica

Apresentar resultado





14322344777940.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina