Moradores do Itacolomi preparam manifestação para cobrar maior segurança pública

“É preciso que a população se una, para dar mais força a manifestação. É como temos vivido no bairro Itacolomi, um por todos e todos por um, a hora é agora”, convida a organizadora

troca comando Penha (3).JPG
Foto: Felipe Bieging
Balneário Piçarras possui um efetivo de apenas 20 policiais,

Segurança Pública. Esse é o principal foco da manifestação pacífica “Por Balneário Piçarras mais segura”, marcada para este sábado, 16, a partir das 14h. A concentração acontecerá na Avenida Nereu Ramos, 2970 (em frente ao Pantai Club) e o trajeto segue até a Prefeitura. O ato é organizado pela comunidade do bairro Itacolomi, após os constantes casos de furtos, roubos, brigas e tráfico de drogas.

“É preciso que a população se una, para dar mais força a manifestação. É como temos vivido no bairro Itacolomi, um por todos e todos por um, a hora é agora, de pedir por mais segurança, pra que a gente deixe de sobreviver e possa viver em paz de uma vez por todas”, convidou uma das organizadoras do evento, R.S.M – que por medo de represálias não quis se identificar.

Atualmente a Polícia Militar de Balneário Piçarras possui um efetivo de apenas 20 policiais, que se revezam em escalas para atender toda a extensão do município, o que gera um número de 1 policial para cada 1.157 habitantes. "Com o crescente número de ocorrências, a única viatura 24h da cidade não dá conta de atender rapidamente a todos os chamados, gerando espera de uma a duas horas para chegar ao local de um furto, por exemplo", comentou outra organizadora da passeata, R. S. M.

O prefeito do município, Leonel José Martins (PSDB), enalteceu a iniciativa popular. “O envolvimento da comunidade com as pautas de interesse público é de imensa importância. Seremos sempre parceiros de atitudes que tenham o objetivo de melhorar a nossa cidade. Realizamos reuniões de maneira frequente com a Secretaria de Segurança Pública cobrando e entendemos sim, que a ampliação de efetivos policiais é algo urgente e necessário para Balneário Piçarras”.

A pauta de segurança pública e aumento do efetivo policial é constante no município e já foi abraçada por diversos órgãos e lideranças. Contudo, os resultados foram pouco positivos. “A PM vem fazendo um bom trabalho dentro das possibilidades e a ampliação do efetivo policial é uma grande necessidade. A Prefeitura consegue fornecer o suporte para o trabalho, mas a mão de obra precisa vir do Estado”, finalizou Leonel.

IMPORTÂNCIA DO BOLETIM DE OCORRÊNCIA

F. V. B. enfatizou que “mesmo com o cenário deficiente de segurança pública, a população deve sempre fazer o Boletim de Ocorrência, mesmo em casos de tentativa de furto, pois só assim conseguiremos provar através dos indicadores oficiais da polícia a necessidade de mais efetivo”. É somente por meio dos números oficiais que o Estado tem conhecimento da realidade criminal do município.

85 CÂMERAS

A Prefeitura de Balneário Piçarras adquiriu recentemente 85 novas câmeras de segurança para serem instaladas nos principais pontos da cidade, com foco em áreas de grande movimentação de veículos. As novas câmeras vêm a integrar as outras 20 câmeras 360º, que já estão em operação na cidade desde 2016 e foram adquiridas com recursos do município.

 






14322344777940.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina e Jornal do Comércio