Câmara de Vereadores de Balneário Piçarras reelege João Bento para presidente

23 Dezembro 2018 21:43:37

“Obrigado por mais uma vez confiarem na minha pessoa para a presidência desta Casa”, agradeceu João, em tribuna. Maurino da Cunha (PSDB) será o vice-presidente, Ademar de Oliveira (PT)

FELIPE BIEGING, JORNALISTA
João Bento (6).JPG
Foto: Felipe Bieging
“Vamos manter a harmonia, manter a economia e corte de gastos”, complementou o presidente reeleito, que já presidiu o parlamento em 1995/1996 e 2001/2002, além de 2016/2017.

João Bento Moraes (PSDB) foi reeleito presidente da Câmara de Vereadores de Balneário Piçarras. A eleição aconteceu na última sessão ordinária do ano, dia 11, quando a chapa foi aprovada por unanimidade.

“Obrigado por mais uma vez confiarem na minha pessoa para a presidência desta Casa”, agradeceu João, em tribuna. Maurino da Cunha (PSDB) será o vice-presidente, Ademar de Oliveira (PT) de 1º secretário e Paulo Coral (PSDB) como o 2º secretário.

“Vamos manter a harmonia, manter a economia e corte de gastos”, complementou o presidente reeleito, que já presidiu o parlamento em 1995/1996 e 2001/2002, além de 2016/2017.

No biênio final, João diz que tem como foco principal a construção da sede própria – que caminha para assinatura de contrato nos próximos dias. “Graças a uma política de economia, estamos construindo nossa sede própria”, finalizou

João Bento assinou na quarta-feira, 5, o contrato e a ordem de serviço com a empresa vencedora da licitação para construção da sede própria do Legislativo. A Vattaro Construções vai começar a erguer o prédio público de 750 metros quadrados a partir de janeiro.

A obra vai custar R$ 1.390.395,90. O projeto arquitetônico foi desenvolvimento gratuitamente pelos profissionais da AMFRI. A sede própria será erguida em um terreno na Avenida Emanoel Pinto – ao lado do ginásio de esportes Aurélio Solano de Macedo - e terá plenário com capacidade para 150 lugares, gabinetes individuais aos vereadores e estrutura completa para as demais funções administrativas. O prazo de execução é de um ano, segundo o contrato.






14322344777940.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina e Jornal do Comércio