+ Economia - Curtas e Objetivas

28 Março 2016 08:18:40

Coluna Publicada no dia 25/03/2016

economia.jpg
Foto: Internet/Divulgação
+ Economia - Curtas e Objetivas

Sonegação

A Associação dos Municípios do Planalto Norte Catarinense - AMPLANORTE realizou o curso de Fiscalização de Bancos e Cartórios. O Secretário Executivo da entidade, Helio Daniel Costa lembrou aos auditores fiscais participantes que a dinâmica da economia vem mudando constantemente, o que abre brechas para que alguns contribuintes não declarem corretamente. Com isso o município perde em arrecadação. Está em discussão a mudança de faturamento do grupo de empresas que hoje tem o teto máximo de R$3.600 milhões /ano, tendo como proposta de teto máximo o valor de R$14.700 milhões/ano. Desta forma estima-se que pelo menos 80% das empresas do Estado passem a integrar o regime do Simples Nacional.

Industrial I

A Prefeitura de Canoinhas removeu a lombada na Avenida Senador Ivo D’Aquino, no Industrial I, nas proximidades da empresa Fricasa Alimentos. A retirada foi feita para atender o pedido da comunidade que utiliza esta via como acesso a área central do município. Na tarde de sexta-feira,17, o prefeito de Canoinhas, Beto Faria e o vice-prefeito Wilson Pereira foram conferir o trabalho da equipe responsável pela colocação de massa no local onde havia o redutor de velocidade, e também acompanharam a recuperação de vários pontos de pavimento que foram destruídos em razão do elevado índice de chuvas nos últimos meses.

Porco e frango mais caros

Carnes e derivados de aves e suínos devem custar mais caro para o consumidor a partir das próximas semanas, em Santa Catarina. O motivo é a alta do preço do milho, principal componente na alimentação dos animais, como antecipou o Jornal Ótimo na semana passada. O produto passou pela maior cotação dos últi­mos anos e se mantém es­tável, a um valor alto para a agroindústria.Por enquanto, nem os espe­cialistas do governo, nem os representantes do se­tor produtivo se arriscam a fazer uma projeção exa­ta, mas todos garantem que o aumento é certo. Outra má notícia para a agroindústria é que a produção deste grão, em Santa Catarina, diminuiu quase 10%. Por outro lado, a demanda pelo agronegócio cresceu. Ou seja, a tendência é que os produtores de carne do Estado fiquem cada vez mais dependentes da pro­dução de milho de outras regiões do país.

APOIO A SAÍDA DE DILMA

Em nota oficial, distribuída aos seus associados e inserida em seus sites na internet, a Associação Brasileira da Indústria Gráfica (Abigraf Nacional) manifestou seu apoio ao impeachment constitucional da presidente Dilma Rousseff. “A entidade entende que o governo ficou insustentável após a posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na Casa Civil e as pretensas causas de sua nomeação, expressas nas gravações telefônicas cuja divulgação foi autorizada pelo juiz federal Sérgio Moro. Tais acontecimentos somam-se aos fatos que vêm sendo investigados na Operação Lava Jato, caracterizando um quadro político de ingovernabilidade. Como consequência de todos esses acontecimentos, o ambiente de negócios e o baixíssimo nível de atividade econômica fizeram disseminar entre os empresários brasileiros o pior índice de confiança e os indicadores sobre a economia nacional potencializaram a maior desesperança de que se tem noticia nos últimos anos”.



lllll.jpg

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina