Após permanência de Temer, Fachin tira sigilo das delações da JBS

18 Maio 2017 12:15:00

Ministro do STF tornou pública a gravação feita por Joesley Batista em encontro com Temer no Palácio do Planalto

Foto: Lula Marques/Divulgação

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edison Fachin encaminhou processo na tarde desta quinta-feira para tornar públicas as gravações feitas pelo empresário Joesley Batista, da JBS. Pela decisão, os áudios deixarão de ser sigilosos - o que foi criticado pelo presidente Michel Temer durante pronunciamento mais cedo. A expectativa é de que o material seja divulgado nas próximas horas. Fachin é responsável pelo inquérito que investiga o presidente.

>>>'Não renunciarei', diz Michel Temer em pronunciamento



SOSDesaparecidos.fw.png

 

 

logo Adjori - para o fundo escuro - transparente - MINI.fw.png

ASSOCIAÇÃO DOS JORNAIS DO INTERIOR DE SANTA CATARINA
Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 901 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 | (48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br