Municípios iniciam tratativas para formar nova microrregião

Extraoficialmente batizada de Costa Azul, Barra Velha, Balneário Piçarras, Penha e Navegantes se articulam para formar grupo e buscar o alinhamento de projetos em setor de fomento ao crescimento das cidades

FELIPE FRANCO, JORNALISTA
sitePraia do  Cerro (2).jpg
Foto: FELIPE FRANCO, JORNAL DO COMÉRCIO
Barra Velha, Balneário Piçarras, Penha e Navegantes buscam consolidar a Costa Azul

Gestores públicos de Barra Velha, Balneário Piçarras, Penha e Navegantes vem trabalhando burocraticamente para consolidar a formação de uma nova microrregião voltada de políticas de crescimento. Extraoficialmente batizada de Costa Azul, a intenção é unificar as estratégias de trabalho fortalecendo os setores como infraestrutura, turismo, esporte, cultura e segurança pública.

“Situações que são de interesse dos quatro municípios, nós tomaremos essas ações em conjunto, até para captar verbas em nível federal – pois serão quatro prefeitos solicitando. É um projeto de uma região para gente estar facilitando as conquistas. São cidades que sempre estiverem longe uma da outra, mas nós entendemos que é uma região só”, detalha o presidente da Fundação de Turismo, Esporte e Cultura de Barra Velha (Fumtec), Pierre Costa.

A proposta gira em torno de formar um grupo, que legalmente estruturado, reforçará a busca por parcerias e discussões em prol da Costa Azul. “A nossa ideia é formar um Convention & Visitors Bureau para fazer promoção e divulgação da nossa microrregião. Tem o nome escolhido e estamos registrando o estatuto. Nossa ideia é trazer a iniciativa privada junto [...] O projeto é baseado em cima da economia azul, na economia do mar, na questão das baleias, na questão da Bandeira Azul”, acrescentou o secretário de Turismo de Balneário Piçarras, Lávio Dalfovo.

O secretário de Turismo de Penha, Cleber Neumann, reforça que o grupo não quer medir forças com a já existente Costa Verde & Mar (Balneário Camboriú, Balneário Piçarras, Bombinhas, Camboriú, Itajaí, Itapema, Navegantes, Penha e Porto Belo), mas copiar o modelo de Itapema, Porto Belo e Bombinhas – que fundaram a Costa Esmeralda. “Não queremos competir com a Costa Verde & Mar. Na verdade é a criação de uma microrregião para integrar ações mais precisas [...] Nossa proposta é a mesma (da Costa Esmeralda). Não deixamos de compor a Costa Verde & Mar, mas teremos ações mais dirigidas à nossa microrregião”, disse.

“A ideia está viva e mais forte do que nunca. A ideia nasceu entre os quatro secretários de turismo com o pensamento de trabalhar roteiros integrados, divulgação, padronização de infraestrutura, eventos – uma série de situações para trabalhar em união com as quatros cidades”, reforçou Cleber. Os quatro prefeitos também já avalizaram o avanço da criação da Costa Azul.

“É uma ideia que já temos desde o início do ano. Apresentamos aos prefeitos e todos concordaram. Agora estamos na fase burocrática para depois fazer o lançamento oficial”, celebrou Pierre. A eles, foi realizada uma reunião enaltecendo os pontos positivos da unificação das políticas. “O primeiro passo a gente já deu: reunimos os quatro prefeitos e mostramos todo o potencial que as quatro cidades têm”, encerrou Lávio.

O secretário de Turismo de Navegantes foi procurado, mas não retornou o contato feito pela reportagem.








14322344777940.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina e Jornal do Comércio